Guerra de monopólios…

Os compadres zangaram-se… Farmácias e Médicos de “candeias às avessas”.

Ambos apelam, (a quem?), diria mesmo, vociferando aos 4 céus, que a razão está do seu lado. Uns dizem que é “indecente” haver alguém a contrariar a vontade dos Srs. doutores… outros, que estão a “olhar pelo interesse dos utentes de farmácia”… quem tem razão?… Será que estamos mesmo interessados nas querelas das comadres? Onde está a verdade?

Médicos vs FarmáciasPois bem, vamos a factos:

- Os Srs. doutores querem passar os medicamentos que bem entendem, ou seja, o que os laboratórios recomendam sejam prescritos.

- Porquê?… Talvez pelos convites que fazem aos doutos senhores para congressos, seminários, etc. e que por acaso até são gratuitos.

- As farmácias querem alterar o receituário para genéricos.

- Porquê?… talvez porque as farmácias que vendem apenas genéricos, estão com um elevado índice de crescimento, fazendo com que as ditas farmácias fornecedoras de produtos de marca tenham reduzido em muito os seus lucros.

Afinal de contas quem tem razão? A verdade é que devemos estar-nos nas tintas, porque de uma forma ou de outra que se “lixa é o mexilhão” e os senhores dos lobbies acabam por ganhar sempre quer sejam de marca ou genéricos. Enquanto elas andam em escaramuças vamos mas é aproveitar os preços baixos… o que vai acontecer por pouco tempo, pois eles acabam por fazerem as pazes mais cedo ou mais tarde.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Naturoterapias - Medicinas Tradicionais